A vedação dos itens hidráulicos é fundamental para manter um funcionamento adequado a tais dispositivos, evitando vazamentos e perda de pressão. Por isso, é indispensável que as ligações hidráulicas de qualquer edificação utilizem essas juntas, precavendo-se de possíveis problemas em decorrência de uma má instalação.

Além disso, no caso de sistemas que comportam o percurso de fluidos perigosos, prejudiciais à atmosfera e às pessoas, a vedação da haste é ainda mais importante, impedindo o vazamento dessas substâncias.

Existem diferentes tipos de equipamentos que atuam na vedação dos componentes de sistema hidráulico, com diferentes finalidades. É possível conhecer alguns deles logo abaixo.

O que é gaxeta?

A gaxeta é um tipo de junta, usada na junção de dois componentes de modo a preencher possíveis espaços entre eles, evitando vazamentos ou entrada de ar em um sistema hidráulico ou pneumático.

Essas juntas podem ser usadas para os mais diversos fins, tal como em sistemas de vapor de alta pressão. O anel de vedação utilizado em torneiras é um exemplo de junta que evita vazamentos.

O material utilizado para a fabricação de uma gaxeta deve ser de alta resistência, já que precisará suportar altas pressões ou temperaturas.

Existem alguns tipos comuns de gaxetas encontradas com facilidade, quais sejam:

  • Gaxeta de metal;
  • Gaxeta de fibra de vidro;
  • Gaxeta de nylon;
  • Gaxeta de amianto;
  • Gaxeta de carbono.

A gaxeta ideal é feita com materiais que não possam ser perfurados, e que ainda sejam baratos de produzir. É o caso da gaxeta hidráulica, que geralmente tem um nível muito mais alto de controle de qualidade.

As gaxetas de fibra de vidro são feitas em camadas, com alta capacidade de isolamento térmico. Por isso, são muito utilizadas em fornos ou estufas, além de locomotivas ou navios.

As gaxetas de nylon são muito utilizadas em sistemas que precisem de isolar partes elétricas, evitando vazamentos em painéis ou cabos.

A de amianto também é bastante durável. Os sistemas que usam essas juntas envolvem ácidos, produtos químicos corrosivos ou vapor. Ela possui boa flexibilidade e sua retração impede a quebra durante a instalação. Além disso, possui um ótimo custo-benefício.

As gaxetas de carbono, por sua vez, são flexíveis e podem ser usadas em sistemas de bombas ou refinadores. Possuem boa condutividade térmica, e podem ser facilmente aplicadas. Outra característica sua é a auto lubrificação, que faz o material durar por mais tempo.

Um catalogo gaxeta hidraulica oferece diversos tipos de juntas, e pode ser consultado com o intuito de se saber qual o melhor tipo de gaxeta para um sistema.

Tipos de registros e válvulas

Tal como as gaxetas, as válvulas e registros são elementos importantes de um sistema, responsáveis por abrir e fechar ou por conduzir os fluidos que passam por encanamentos.

Existem diferentes tipos de válvulas e registros, quais sejam os dois principais:

Registro de gaveta e registro de pressão

Em um sistema hidráulico, é possível verificar dois registros principais: o registro de gaveta e o registro de pressão.

O registro de gaveta é aquele utilizado para conter o volume de água que é distribuído para diferentes canos, geralmente utilizado para solucionar vazamentos ou substituição de itens de uma tubulação. Ele controla a saída de água de um determinado perímetro.

O registro de pressão, o mais comum deles, é acionado diariamente para abrir ou fechar torneiras. Ele é responsável por controlar a saída de água de apenas um ponto.

Válvula gaveta e válvula de retenção

A válvula gaveta é mais usada nos sistemas de tubulação. Ela pode ser totalmente aberta ou totalmente fechada, mas não é usada para regular o fluxo.

As válvulas de gaveta são uma maneira econômica de fornecer uma válvula de vedação de qualidade, suportando altas temperaturas.

Já as válvulas de retenção funcionam de forma automática, a maioria delas não precisa de controle operado por uma pessoa ou por qualquer elemento externo. Por isso, elas não possuem nenhum cabo ou haste de fechamento.

São válvulas de duas portas, o que significa que têm duas aberturas em sua estrutura, uma para o fluido entrar e outra para ele sair.

Elas também ajudam no controle da pressão, conduzindo os fluidos, isolando e contendo um fluxo. Essa válvula é usada em uma grande variedade de aplicações.

Embora esteja disponível em uma ampla gama de tamanhos e custos, a valvula de retenção geralmente é pequena e possui baixo custo de aquisição.

Um sistema de encanamentos, seja ele hidráulico ou seja pneumático, precisa de elementos importantes como os citados acima, que contribuem para o seu funcionamento e para manutenções, quando estas se fazem necessárias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *