Os gases são importantes para a produção de determinadas matérias-primas e elementos comercializados na indústria nacional e internacional. Muitas vezes, eles são usados apenas com o objetivo de fazer uma máquina funcionar, enquanto em outros casos é o gás o grande elemento que vai transformar uma substância em um produto feito.

Neste texto, você vai conhecer um pouco sobre os mais diferentes tipos de gases usados nos processos industriais. Vai saber o que um tanque de polipropileno, quais outros tipos são usados, a importância desses gases, além de outras informações relevantes sobre esse assunto. Confira!

Quais são os gases usados na indústria?

Existem vários gases que são usados na indústria para criar novos produtos, fazer fornos funcionarem, ligarem chaminés e demais elementos importantes de uma produção de larga escala.

Esses gases são vários. Vão desde o famoso e tradicional gás carbônico até o dióxido de titânio onde comprar, além de outros tipos muito comuns que você vai ler na lista a seguir:

  • Oxigênio;
  • Hidrogênio;
  • Nitrogênio;
  • Hélio;
  • Acetileno;
  • Dióxido de enxofre;
  • Amônia.

Esses são alguns dos gases mais utilizados na indústria. O gás carbônico, por exemplo, é essencial na produção de sorvete, de cerveja e de outros tipos de alimento. Enquanto o nitrogênio evita a oxidação de comidas embaladas em sacos e caixas. Já o hidrogênio é muito importante para a indústria do petróleo e química em geral e assim por diante.

Os gases fazem parte de processos interessantes e muito relevantes de diferentes tipos de indústria. Por isso, saber mexer com eles, usar a quantidade correta, na temperatura e pressão exata é essencial para quem deseja ou trabalha com essa área.

Quais equipamentos que usam os gases?

Os gases são usados, normalmente, dentro dos equipamentos para que eles funcionem. Uma válvula de esfera, por exemplo, só existe porque existem gases trabalhando nela para que funcione. O mesmo vale para outros diversos tipos de máquina utilizados em processos industriais.

Em outros casos, o gás é produzido dentro do próprio produto, a partir de reações químicas, como ocorre na produção de cervejas, vinhos e outras bebidas. Porém, o mais comum mesmo é que ele faça parte de algum equipamento, como um exaustor industrial e outros.

Além desses usos mais tradicionais, o gás também faz parte da solução para funcionamento de determinadas indústrias e fábricas.

Locais muito fechados, por exemplo, precisam de oxigênio misturado a outros gases para que os colaboradores consigam respirar dentro do local.

Há também ventiladores industriais que possuem gases específicos para gelar um ambiente com mais facilidade.

Qual a importância dos gases para a indústria?

Hoje em dia é difícil encontrar alguma fábrica que não tenha processos que utilizem algum tipo de gás. Ele está presente em, praticamente, todo o segundo setor mundial.

O gás é necessário para tudo, seja um refrigerante ou para ajudar no engate rapido da marcha de um carro. Em tudo ele está presente e é um elemento essencial para o bom funcionamento de diferentes produtos e máquinas.

Essa é a principal importância do uso dos gases. Sem ele, vários produtos que são feitos hoje sequer existiriam. Um duto de mineração que leva o minério da mina até o porto que vai para exportação precisa de gases para funcionar, assim como também necessita de água.

Ou seja, eles estão presentes em quase toda indústria e com importâncias diferentes em cada um dos ramos existentes nas fábricas.

É preciso tomar cuidados?

Qualquer item precisa de cuidados, nesse contexto até ações benéficas podem fazer mal se não feitas de forma correta.

Nesse contexto, até se você tomar água em exagero pode fazer mal para a sua saúde. Por isso, sim é necessário ter muitos cuidados ao manusear gases e aparelhos que utilizam gases.

Mais ainda, existem técnicas de segurança do trabalho que evitam acidentes e que devem ser passadas a todos os funcionários e colaboradores.

Apenas após os treinamentos que se pode fazer o uso das máquinas e das substâncias. Antes disso, é proibido por lei que uma pessoa manuseie esses produtos que podem ser altamente tóxicos.

O aprendizado sempre deve vir primeiro que a execução. Jamais esqueça disso. Ainda mais se for usar, por exemplo, equipamentos perigosos, como é o caso do tanque de polipropileno, descrito no início deste texto e que é um dos tipos de materiais com gás mais utilizados na indústria nacional!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *