A indústria de borracha no Brasil vem angariando bons resultados desde 2016 e, segundo o Canal Rural da UOL, empregando milhares de pessoas.

Cerca de 80 mil trabalhadores vivem do látex extraídos pelas seringueiras — nome científico Hevea brasiliensis. Ela move o sustento de cerca de 25 mil famílias.

A borracha foi um dos principais e mais importantes produtos nacionais, que alavancaram a economia do país nos anos de 1870 a 1920.

Nessa época, foi responsável por parte de 25% das exportações, perdendo somente para o café. Geralmente, nas indústrias brasileiras, os produtos mais fabricados são pneus e aviões.

Entretanto, a borracha é bastante utilizada e modificada, conforme o produto que se idealiza por meio dessa matéria-prima, como: luvas cirúrgicas e domésticas, preservativos, balões, chupeta, calçados, entre outros produtos.

Mas, para que as indústrias utilizem a borracha, o látex passa por vários processos, desde a retirada do leite da seringueira, até passar pelo cilindro misturador de borracha.

Para que assim, finalmente, ele possa virar alguns produtos. Ultimamente, esse material é extraído de seringueiras comerciais, ou seja, o seu plantio e retirada do látex não são feitos, necessariamente, na Amazônia.

Hoje em dia ele, é cultivado em outros estados: São Paulo, Espírito Santo, Bahia, Goiás, Acre, Mato Grosso do Sul, por exemplo.

De acordo com o G1, em 2017 os seringais lucraram mais de R$ 300 milhões de reais.

Borracha como ferramenta de trabalho

Engana-se quem acha que a matéria-prima borracha, seja somente usada em alguns produtos de consumo pessoal ou pneus de automóveis.

Ela também é usada para outros itens e, inclusive, voltando à indústria para ajudar na produção de outros produtos. Conheça alguns deles:

Cilindro de borracha

O Cilindro de borracha é utilizado nas indústrias que produzem móveis, plásticos, celulose, couro e outras ramificações de produtos.

A borracha que reveste o cilindro preserva a máquina, possui boa efetividade em sua função, têm resistência a baixas e altas temperaturas.

Além de composições químicas, ou seja, ela consegue resistir a várias situações impostas pelo piso de fábrica.

Retentor de borracha

Retentor de borracha é outra ferramenta que é feita de borracha e que ajuda a acabar com algum vazamento de alguma máquina e sem atrapalhar o desempenho do aparato.

Ou seja, interrompe o vazamento e não interrompe o serviço em andamento. Suas características, são:

  • Vedação de fluidos como água, óleo, graxa, etc, com pressão ou não;
  • Revestido de borracha ou ferrugem metálica exposta;
  • O revestimento externo de borracha garante sucesso na vedação;
  • Dilatação térmica;
  • Alojamento bipartidos.

O retentor de borracha nitrílica é uma outra variação da ferramenta citada e exerce a mesma função de vedação.

Ela é indicada comumente em motores, válvulas, unidades hidráulicas, eletrodomésticos e muitas outras máquinas, e possui uma aplicação dinâmica evitando vazamentos de fluidos.

E, por esse motivo, o retentor de borracha pode ser utilizado em componentes que tenha movimentação e/ ou estático.

Anel retentor de borracha

O anel retentor de borracha é outra ferramenta de vedação muito eficiente, disponibilizada no mercado e, também, tem suas variações se adequando melhor a cada situação em que essa ferramenta pode ser usada.

Agora, se cenário exigir uma vedação mais variada e com aplicações em portas, janelas, máquinas e outros aparatos, e que venham com a vantagem de absorver fortes impactos, o recomendável é utilizar a tira de borracha.

E, mais uma vez, esse produto tem vários modelos disponíveis. Estude a melhor opção à vedação que precisa ser feita.

É possível reciclar borracha?

Nos dias atuais, é comum empresas e pessoas terem pensamentos ecológico, a fim de viverem em um mundo mais sustentável e que reutilize materiais que geralmente iam direto para o lixo.

A borracha é um material versátil e que pode gerar um número significativo de produtos, inclusive, ferramentas que auxiliam em vedação e nas indústrias.

E, justamente por ter um caráter multifacetado, ela também consegue ser reutilizada na reciclagem. Com o seu descarte feito corretamente e entregue às centrais de reciclagem, ela se transforma em produtos que podem ter ramificações diferentes.

Confira uma pequena lista de materiais, feitos com o reaproveitamento da borracha:

  • Solas de sapato;
  • Bancos para praças públicas;
  • Tapetes de carro;
  • Cestos;
  • Pavimentação de ruas, rodovias e estradas.

É uma gama extensa de produtos, derivados da reciclagem da borracha e inseridos em decorações, área de lazer, quintais, além dos produtos.

A reciclagem desse material ajuda no combate da dengue (não deixando a água acumular nos pneus). Lembrando que a reciclagem faz bem ao meio ambiente e conscientiza, para um consumo mais racional dos recursos naturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *