Profissionais de saúde são treinados para aferir indicadores corporais e interpretá-los, de modo a diagnosticar doenças. É por isso que a medição de temperatura, pressão e ritmo cardíaco são itens básicos em consultas médicas.

No ambiente industrial, é preciso ter o mesmo cuidado com as máquinas. A mensuração e análise de certos índices é fundamental para saber qual é o desempenho da linha de produção, se ele é satisfatório e se pode ser melhorado.

Entretanto, isso é muito difícil, para não dizer impossível, quando o profissional responsável não conta com os instrumentos de medição apropriados.

Por que contar com equipamentos de medição?

Instrumentos de medição são dispositivos projetados para mensurar grandezas como:

  • Pressão;
  • Vazão,
  • PH;
  • Força;
  • Temperatura;
  • Peso;
  • Condutividade.

Estes são apenas alguns deles: há aparelhos disponíveis no mercado que mensuram muitos outros índices, sendo que cada um tem a sua unidade de medida padrão.

Além disso, modelos mais modernos geram dados que podem ser cruzados de maneira automática, gerando insights diferenciados sobre o desempenho das máquinas.

Consequentemente, nota-se que estes objetos podem representar um diferencial competitivo bastante significativo em uma indústria.

Confira, a seguir, alguns instrumentos básicos, indispensáveis em boa parte destes estabelecimentos:

1- Termômetro

O uso do termômetro de temperatura não tem muito segredo. O aparelho é aproximado do item cuja temperatura tem que ser averiguada e, em alguns minutos, ele acusa o índice.

Acontece que, com o avanço do tempo e da tecnologia, o mercado foi criando novos tipos de termômetros, cada qual com sua vantagem. Alguns deles estão descritos abaixo.

Termômetro digital infravermelho

O termômetro digital infravermelho é um dos mais avançados do mercado. Ele mensura a temperatura por meio do acompanhamento da radiação infravermelha, que é invisível a olho nu e faz parte do espectro eletromagnético.

O princípio por trás deste mecanismo de funcionamento é simples: quanto mais intensa a fonte de um calor de um objeto, mais forte é a emissão da radiação infravermelha.

Além de ser usado na indústria, este termômetro também pode ser empregado na área médica, para mensurar a temperatura de pacientes.

Termômetro de imersão

Normalmente usado para descobrir a temperatura de líquidos, o termômetro de imersão é um dos objetos que desempenham o papel de controlador de temperatura digital.

Uma de suas possíveis aplicações é na indústria química, em situações nas quais a reação necessária tem que acontecer em determinada faixa de temperatura.

Apesar disso, ele também é usado em ambiente doméstico: determinadas receitas também demandam uma temperatura específica, e o termômetro de imersão pode ajudar em seu acompanhamento.

Termômetro x Termostato

Vale ressaltar que, apesar de semelhantes, termômetros e termostatos não se confundem. São dispositivos distintos, cada qual com sua função.

Enquanto um termômetro digital (ou qualquer outro) limita-se a medir a temperatura de uma pessoa, substância ou ambiente, o termostato digital tem a capacidade de modificá-la.

Um bom exemplo é a calefação doméstica. Por mais que ela mostre qual é a temperatura do ambiente, ela também pode aquecê-lo ou resfriá-lo.

2 – Regulador de pressão

A pressão é outro indicador comumente acompanhado em indústrias. O motivo principal é evitar acidentes: quando a pressão em dado recipiente torna-se intensa demais, ele pode explodir.

Além disso, determinadas reações têm que ser realizadas sob uma pressão específica, o que também justifica a medição.

Há diversos modelos deste aparelho disponíveis no mercado. Alguns deles são:

  • Medidor de pistão;
  • Medidor de diafragma;
  • Medidor de um estágio;
  • Medidor de dois estágios;

3 – Controlador de tensão

O controlador de tensão é um item usado em circuitos elétricos, de modo a evitar a sobrecarga de tensão sobre determinadas peças.

Assim, ele faz com que a tensão de saída seja inferior à de entrada, conforme a maneira como ele foi configurado.

O excedente é liberado de maneira totalmente segura, sob a forma de calor. Portanto, é natural que este controlador esquenta quando está em ação.

Cuidados com os instrumentos de medição

Como a maior parte dos equipamentos industriais, instrumentos de medição precisam de alguns cuidados para que funcionem corretamente.

Isso significa que estes aparatos devem passar por uma calibração periódica. A frequência ideal é estabelecida pelo fabricante, e o processo deve ser conduzido por um profissional treinado para tal.

Quando o instrumento não é calibrado, corre-se o risco de que ele gere índices imprecisos. Além de arriscado, isto pode comprometer a segurança de todas as pessoas que trabalham naquele ambiente, bem como a funcionalidade dos equipamentos que estão no mesmo espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *